Pico Paraná é fechado para visitas por 15 dias
25/01/2019 Saúde Governo

O Instituto Ambiental do Paraná - IAP, gestor das áreas protegidas no Estado do Paraná, determinou o fechamento das unidades de conservação estaduais para visitação pública pelo prazo de 15 dias a partir de 24/01/2019.

 

Segue a relação oficial das unidades que estarão fechadas:

 

Parque Estadual Pico Paraná, Parque Estadual do Boguaçu, Parque Estadual Roberto Ribas Lange, Parque Estadual do Palmito, Parque Estadual da Graciosa, Parque Estadual do Pau Oco, Parque Estadual Rio da Onça, Parque Estadual das Lauráceas, APA Guaratuba, APA Guaraqueçaba e AEIT Marumbi.

 

A determinação se deu em caráter preventivo, diante do incidente envolvendo macacos encontrados em Antonina esta semana com suspeita de terem contraído febre amarela e por conta da ocorrência de novos casos de febre amarela em cidades paulistas, próximas à divisa com o nosso estado.

 

Ainda não está confirmado cientificamente se os macacos estavam infectados com o vírus da febre amarela, pois as análises laboratoriais deverão demorar alguns dias para serem concluídas.

 

Diante disso, a FEPAM – Federação Paranaense de Montanhismo recomenda e pede que montanhistas, escaladores e demais esportistas, mesmo devidamente vacinados, evitem se dirigir a estes parques no período do fechamento, ou até que sejam devidamente liberados e, sobretudo, que evitem conflito nos postos de controle tentando forçar passagem.

 

O IAP esclarece ainda que os pesquisadores que necessitarem acesso às estações ecológicas deverão comprovar a vacinação contra febre amarela com a apresentação da carteirinha respectiva.

 

Mais informação entre em contato com o IAP pelos telefones (41) 3213-3462 ou (41) 3213-3830.