PORTAL DE NOTÍCIAS

21/07/2022   PMCGS  

Campina Grande do Sul está entre as melhores cidades do Brasil

A revista IstoÉ  juntamente com a empresa Austin Rating, publicou o ranking “Melhores Cidades do Brasil 2022”. De acordo com a publicação, Campina Grande do Sul  está entre as melhores cidades do país em cidades com até 50.000 habitantes e se destacando bem em três critérios: Em dois Indicadores econômicos, no geral e no mercado de trabalho. E no índice fiscal na capacidade de arrecadação.

O ranking “Melhores Cidades do Brasil”  levou em conta os dados públicos de 5.565 municípios brasileiros e está dividido em quatro categorias: Geral, Grande Porte (acima de 200 mil habitantes), Médio Porte (de 50 mil a 200 mil habitantes) e Pequeno Porte (até 50 mil habitantes). 

Campina Grande do Sul está enquadrado no porte de municípios com até 50 mil habitantes, sendo este o porte com o maior número de municípios concorrentes. Segundo a estimativa da população dos municípios para 2021, divulgada pelo IBGE, o Brasil possui 4.890 municípios com população até 50 mil habitantes, tornando os resultados obtidos por Campina Grande do Sul ainda mais importante.

INDICADORES ECONÔMICOS: Ranking comprova a melhoria na qualidade de vida e profissional do campinense

Campina Grande do Sul ficou na 43ª posição geral do Brasil no grupo “Indicadores Econômicos” qual analisou dados como o avanço que o município proporcionou à sociedade quanto ao nível de poder de compra e ao número de bens duráveis nos domicílios, bem como a corrente de comércio do município, a qualidade do emprego e nível de distribuição de renda.

“É com alegria que Campina Grande do Sul recebe este reconhecimento nacional. Com uma administração responsável e realizadora vamos começar colher os frutos. O padrão de vida do campinense está melhor, e grande parte se deve em grande parte a realização de importantes investimentos que fizemos, como obras de pavimentações, calçamentos, saneamento básico, infraestrutura, melhor iluminação, ampliações, e reformas de escolas, cmeis e unidades de saúde”, além do foco constante na busca por geração de emprego e renda e qualificação profissional, disse o prefeito Bihl Zanetti.

MERCADO DE TRABALHO: Programas municipais fortalecendo o progresso na geração de empregos

A 23ª posição nacional em municípios se até 50.000 habitantes alcançada no critério “Mercado de Trabalho”, destaca-se o trabalho que a Prefeitura desempenha no fortalecimento na oferta de trabalho, qualidade de emprego e na qualificação do campinense.

O resultado é fruto da gestão responsável realizada pela Prefeitura de Campina Grande do Sul. Através de decisões estratégicas, como o Programa Qualifica Campina, responsável pela qualificação profissional gratuita ao campinense e de políticas públicas para garantir aos munícipes oportunidades no mercado de trabalho.

“Uma das prioridades da minha gestão é a geração de emprego e novamente os indicadores mostram que estamos no caminho certo. Já tínhamos liderado o Ranking de preenchimento de vagas de empregos na Região Metropolitana e agora conquistamos uma posição de destaque nacional”, enfatizou o prefeito Bihl Zanetti. “Quero reforçar o compromisso que fiz, trazendo mais investimentos com novas empresas se aproximar mais e atender melhor as que já estão instaladas, desenvolvendo as áreas industrial e comercial, e fazendo parcerias para o sucesso do Qualifica Campina”, finalizou o prefeito.

CAPACIDADE DE ARRECADAÇÃO: Gestão responsável de recursos

A gestão administrativa responsável do prefeito Bihl Zanetti foi comprovada através da 32ª posição nacional alcançada por Campina Grande do Sul entre os municípios de mesmo porte. 
A Capacidade de Arrecadação avaliou os avanços dos municípios na gestão de recursos próprios, levando em conta capacidade de pagamento atrelado a receita e lei de responsabilidade fiscal.



Fotos


MAIS NOTÍCIAS